Exportação de soja do Brasil no ano atinge 80% do esperado

quinta-feira, 1 de agosto de 2013 16:41 BRT
 

SÃO PAULO, 1 Ago (Reuters) - As exportações de soja do Brasil seguiram fortes em julho, somando 5,66 milhões de toneladas, o que elevou o volume embarcado pelo país no ano comercial a cerca de 80 por cento do total previsto para toda a temporada 2013/14, de acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) divulgados nesta quinta-feira.

Desde fevereiro, início do ano comercial das empresas de soja do Brasil, foram exportados 31,83 milhões de toneladas, segundo cálculo da Reuters com base nas informações da Secex.

Mais cedo, a associação que reúne as indústrias do setor revisou sua estimativa para exportações entre fevereiro de 2013 e janeiro de 2014 para um recorde de 39,5 milhões de toneladas.

As exportações neste início da temporada estão cerca de 20 por cento acima do volume embarcado nos mesmos seis meses do ano comercial anterior, quando foram exportadas 26,49 milhões de toneladas entre fevereiro e julho.

Desde um recorde em maio deste ano, as exportações vêm caindo, mas continuam em ritmo acelerado, em meio à forte demanda internacional pelo produto brasileiro, enquanto os Estados Unidos estão na entressafra.

Em junho os embarques foram de 6,5 milhões de toneladas, e em julho de 2012 tinham atingido 4,13 milhões de toneladas.

MILHO

Ocupando espaço deixado pela soja, o milho teve os embarques ampliados em julho.

As exportações do cereal somaram 733,3 mil toneladas em julho, contra um volume de 276,3 mil toneladas em junho (volume ajustado pela Secex).

Um ano antes, quando havia perspectiva de quebra de safra nos EUA e maior demanda internacional por milho brasileiro, os embarques tinham sido de 1,7 milhão de toneladas.

(Por Gustavo Bonato)