Ações de seguradoras levam índice europeu a maior nível em 2 meses

sexta-feira, 2 de agosto de 2013 14:20 BRT
 

LONDRES, 2 Ago (Reuters) - Resultados robustos de empresas seguradoras ajudaram a elevar as ações europeias para o maior patamar em 2 meses nesta sexta-feira, enquanto dados mistos de emprego nos Estados Unidos deram argumento para a visão de que o Federal Reserve, banco central do país, pode se tornar mais cauteloso quanto à redução do estímulo monetário.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,3 por cento, para 1.224 pontos, o maior fechamento desde 30 de maio.

O índice de seguros STOXX Europe 600 obteve ganhos sólidos, com alta de 0,9 por cento, com a segunda maior seguradora da Europa AXA avançando 2,2 por cento depois de resultados acima das projeções. A Allianz, cujo lucro operacional cresceu mais forte que o esperado, subiu 0,8 por cento.

O relatório do mercado de trabalho dos Estados Unidos mostrou que as vagas de emprego fora do setor agrícola subiram em 162.000 em julho, abaixo das expectativas, embora a taxa de desemprego tenha caído.

Os dados mistos provocaram um período de volatilidade no índice, com os investidores considerando o que eles poderiam significar em relação ao momento e escopo de qualquer redução do estímulo do Fed, antes de as ações encerrarem perto do nível em que estavam antes da divulgação dos dados.

"Eu acho que os mercados não descartaram os dados, mas realmente não estão tão perturbados assim... Talvez isso signifique que teremos alguns meses extras de estímulos", afirmou o estrategista-chefe de mercado da IG, David Jones.

Em LONDRES, o índice Financial Times caiu 0,51 por cento, a 6.647 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX recuou 0,05 por cento, para 8.406 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 teve alta de 0,07 por cento, a 4.045 pontos.   Continuação...