IGP-DI desacelera alta a 0,14% em julho, diz FGV

terça-feira, 6 de agosto de 2013 08:52 BRT
 

Por Camila Moreira

SÃO PAULO, 6 Ago (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,14 por cento em julho, ante elevação de 0,76 por cento em junho, favorecido pela queda dos preços no varejo e pela desaceleração do avanço no atacado e na construção.

De acordo com dados divulgados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira, em 12 meses o índice acumula alta de 4,84 por cento, ante 6,28 por cento nos 12 meses até junho.

O resultado de julho ficou abaixo da expectativa em pesquisa da Reuters de alta de 0,19 por cento, segundo a mediana de 13 previsões, que variaram de alta de 0,14 a 0,24 por cento.

Em junho, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-DI) registrou inflação de 0,20 por cento, após apresentar alta em junho de 0,85 por cento. O índice calcula as variações de preços de bens agropecuários e industriais nas transações em nível de produtor e responde por 60 por cento do IGP-DI.

Entre a origem dos produtos, os agropecuários registraram queda de 0,27 por cento em julho, após avanço de 1,46 por cento em junho.

Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-DI), registrou queda de 0,17 por cento, ante alta de 0,35 por cento em junho. O índice mede a evolução dos preços às famílias com renda entre um e 30 salários mínimos mensais e corresponde a 30 por cento do IGP-DI.

Segundo a FGV, o resultado do IPC foi influenciado principalmente pelo grupo Transportes, com recuo de 0,70 por cento em julho após avanço de 0,30 por cento no mês anterior.

Nesta classe de despesa, destacou-se o comportamento do item tarifa de ônibus urbano, cuja taxa passou de uma alta de 2,10 por cento para uma queda de 2,66 por cento.   Continuação...