Cinemark diz México vetou fusão com grupo concorrente

domingo, 11 de agosto de 2013 11:37 BRT
 

CIDADE DO MÉXICO, 11 Ago (Reuters) - A Cinemark Holdings um dos maiores filmes de expositores globais, disse que a autoridade antitruste do México decidiu bloquear a venda de suas operações no país ao grupo mexicano Cinemex.

O CEO da Cinemark, Tim Warner, afirmou em um comunicado que continuará a avaliar as alternativas e vai recorrer da decisão da Comissão Federal de Concorrência (CFC) do México.

A empresa anunciou em fevereiro um acordo para vender suas operações no México, incluindo 31 complexos com 290 cinemas, ao seu concorrente, por valor não revelado.

"Esperamos resolver as preocupações da Comissão em um processo de apelação. Vamos manter o foco sobre o funcionamento dos cinemas (...)", disse ele.

Cinemark opera 504 salas com 5.794 telas nos Estados Unidos, Brasil, México, Argentina e outros 10 países latino-americanos.