Ações chinesas atingem máxima em 1 mês por dados otimistas

segunda-feira, 12 de agosto de 2013 08:32 BRT
 

Por Dominic Lau

TÓQUIO, 12 Ago (Reuters) - A maioria das ações asiáticas subiu nesta segunda-feira, com as ações chinesas saltando para máxima em um mês, visto que os investidores ficaram confiantes com os dados otimistas, divulgados na semana passada, sobre a China, mas o índice japonês Nikkei caiu para mínima em seis meses, após Produto Interno Bruto (PIB) do Japão do segundo trimestre ficar abaixo das expectativas.

O índice chinês CSI300 subiu 2,92 por cento, ampliando a alta da última sexta-feira, depois que a produção industrial chinesa aumentou em julho em seu ritmo mais rápido desde o início do ano.

Dados divulgados após o fechamento do mercado na sexta-feira foram igualmente positivos, mostrando que os novos empréstimos bancários chineses e a oferta de dinheiro para julho foram maiores que o esperado.

Às 8h18 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,78 por cento, após ter atingido máxima em duas semanas.

O índice Nikkei recuou 0,70 por cento para sua mínima desde 28 de junho, depois que dados mostraram que a economia cresceu em um ritmo mais lento que o esperado no período de abril a junho, levando os investidores a reduzirem sua exposição ao risco.