Dow e S&P fecham em queda; Apple impulsiona Nasdaq

segunda-feira, 12 de agosto de 2013 18:04 BRT
 

Por Angela Moon

NOVA YORK, 12 Ago (Reuters) - Os índices Dow e S&P 500 caíram nesta segunda-feira, ampliando as perdas da pior semana de Wall Street desde a última semana de junho, mas a Apple e a BlackBerry sustentaram o índice de tecnologia Nasdaq.

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,04 por cento, em 15.419 pontos; o S&P caiu 0,12 por cento para 1.689 pontos. O Nasdaq subiu 0,27 por cento para 3.669 pontos.

O volume de negociações foi baixo, marcando um dos cinco dias neste ano em que menos de 5 bilhões de ações foram negociadas em um pregão completo.

Muitos operadores entram em férias em agosto, amplificando as oscilações do mercado, e a temporada de balanços está chegando perto do fim, com o mercado se aproximando de um período sazonalmente lento.

A atividade de hedge, no entanto, ganhou corpo no mercado de opções à medida que operadores preparam-se para um declínio nas ações no curto prazo, de acordo com o Credit Suisse.

"Embora estejamos vendo mais hedge de curto prazo com a aproximação da reunião de setembro do Federal Reserve (banco central norte-americano), o mercado de opções está se tornando mais construtivo com relação à perspectiva para o médio prazo", disse a estrategista de derivativos de renda variável do Credit Suisse, Mandy Xu.

O estímulo do Fed tem ajudado a alimentar o ganho de quase 19 por cento do S&P 500 em 2013. Espera-se também que o Fed caminhe para reduzir o ritmo de compra de títulos, atualmente em 85 bilhões de dólares por mês, levando alguns investidores a afastarem-se do mercado de ações.

Alguns integrantes do Fed têm dito que o banco central pode começar a reduzir seu "quantitative easing" no próximo mês se a economia continuar a melhorar.