Ações asiáticas caem por incerteza do mercado com política do Fed

quinta-feira, 15 de agosto de 2013 08:13 BRT
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO, 15 Ago (Reuters) - As ações asiáticas caíram nesta quinta-feira, à medida que a incerteza com o momento em que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, irá começar a reduzir seu estímulo ofuscou o cenário econômico mais otimista na Europa.

Os papéis japoneses lideraram as perdas, depois que ministros do gabinete minimizaram a importância de uma reportagem da mídia mais cedo nesta semana de que o governo está considerando cortes nos impostos corporativos.

O iene mais forte e o enfraquecimento das esperanças de corte de impostos pressionaram o índice Nikkei, que caiu 2,12 por cento, saindo da máxima de fechamento em 1 semana atingida na quarta-feira. As condições de baixo volume no verão (no hemisfério norte) ampliaram os movimentos, disseram participantes do mercado.

Às 8h01 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,12 por cento.

O ministro das Finanças do Japão, Taro Aso, disse que reduzir o imposto corporativo fará pouco para compensar o peso do aumento planejado do imposto sobre vendas. Aso, que também é vice-primeiro-ministro, disse que isenções fiscais para encorajar gastos de capital podem ser avaliadas.

O ministro da Economia, Akira Amari, repetiu essa posição, dizendo que vai priorizar as isenções fiscais para encorajar gastos de capital.

Já o cenário europeu trouxe boas notícias para os investidores asiáticos. Dados na quarta-feira mostraram que as economias da Alemanha e da França cresceram de modo mais rápido que o esperado no segundo trimestre, tirando a zona do euro de uma recessão de 18 meses.

Mas dados recentes mistos dos Estados Unidos sobre a força da recuperação econômica, e comentários de autoridades do Fed não foram capazes de esclarecer a perspectiva da política do banco.

A bolsa sul-coreana estava fechada devido a um feriado público e reabre na sexta-feira.