Ações asiáticas caem em meio a agitações no mercado chinês

sexta-feira, 16 de agosto de 2013 08:10 BRT
 

Por Hideyuki Sano

TÓQUIO, 16 Ago (Reuters) - Os mercados asiáticos registraram muitas oscilações nesta sexta-feira, com as ações chinesas afetadas por rumores de apoio do governo ao mercado ou até mesmo por erro de negociação.

As agitações na Ásia seguiram-se a pregão similarmente estranho em Wall Street, onde os padrões normais de negociação pareceram não fazer mais sentido à medida que as ações caíram, os yields dos Treasuries dos Estados Unidos subiram, o ouro avançou e o dólar caiu.

As ações chinesas tiveram uma grande variação, abrindo mais fracas antes de subir sem razão aparente, levando o índice de Xangai para alta de 5,6 por cento e provocando rumores de que Pequim está planejando anunciar medidas para sustentar o mercado.

Houve também um rumor de erro de negociação. Mais tarde, os ganhos evaporaram tão rapidamente quanto vieram, deixando os traders em dúvida.

Às 8h06 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,25 por cento.

As quedas nos índices regionais foram moderdas em comparação com com Wall Street, onde o S&P 500 caiu 1,4 por cento, sua maior queda desde meados de junho, para mínimas em cinco semans.

(Reportagem adicional de Jungmin Jang em Seoul, Clement Tan em Hong Kong e Lu Jianxin em Xangai)