Ex-presidente da Oi é indicado para presidir Via Varejo

sexta-feira, 16 de agosto de 2013 20:27 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 16 Ago (Reuters) - O ex-presidente da operadora Oi Francisco Valim foi indicado à presidência da Via Varejo, divisão de eletroeletrônicos do grupo Pão de Açúcar, no momento em que a companhia prepara uma emissão de ações.

Valim, que deixou a Oi em janeiro e já foi presidente-executivo da Serasa Experian e da NET, ainda passará pelo crivo do Conselho de Administração, que se reunirá em 23 de agosto para deliberar sobre o assunto.

Em maio, Antonio Ramatis Rodrigues, então presidente da Via Varejo, renunciou ao cargo por divergências de estratégia e interferências em seu trabalho pelo Pão de Açúcar, segundo sua carta de renúncia obtida pela Reuters.

A posição foi ocupada interinamente por Vito Fagá, que continuará à frente da vice-presidência Financeira e de Relações com Investidores da companhia.

A Via Varejo, que turbinou os resultados do grupo Pão de Açúcar no segundo trimestre, teve lucro líquido de 95 milhões de reais entre abril e junho, resultado 19 vezes superior a igual período de 2012.

A Via Varejo, dona das bandeiras Ponto Frio, Casas Bahia e Nova Pontocom, disse em nota que a contratação do executivo "permitirá a continuidade dos avanços alcançados ... decorrentes do processo de reestruturação em curso" e menciona melhorias como aumento de eficiência, captura de sinergias e implementação de novos processos.

A companhia vai realizar uma oferta pública primária e secundária de units (recibos de ações) e será listada no Nível 2 da BM&FBovespa, conforme anunciado em junho

A operação vai permitir que a família Klein, fundadora da Casas Bahia e detentora de 47 por cento do capital da Via Varejo, se desfaça de participação na empresa. Em meados de maio a família disse que pretendia fazer oferta pública para vender 16 por cento da empresa, em um total de 53,7 milhões de ações.

Segundo o IFR, um serviço da Thomson Reuters, a Via Varejo poderá precificar sua oferta no terceiro trimestre.

(Por Luciana Bruno e Juliana Schincariol)