Ex-executivo de controladora da China Mobile é investigado na China

terça-feira, 20 de agosto de 2013 08:26 BRT
 

20 Ago (Reuters) - Um ex-executivo sênior da empresa estatal que controla a China Mobile está sendo investigado por "graves violações de disciplina", divulgadas num momento em que uma série de investigações atinge o setor empresarial do país.

Xu Long, que era gerente geral do escritório de Guangdong da China Mobile Communications, foi levado pela comissão disciplinar do governo provincial na sexta-feira, de acordo com o veículo oficial China News Service. Xu também era o secretário do Partido Comunista para a empresa.

"Xu Long foi removido de seus cargos de presidente do conselho e gerente geral da China Mobile, bem como de secretário do partido. Ele está agora sendo investigado pelos órgãos competentes por alegações de graves violações de disciplina", afirmou a China Mobile Communications, em um comunicado enviado por email nesta terça-feira.

O comitê disciplinar da província de Guangdong não estava disponível para comentar o assunto, enquanto Xu não pôde ser imediatamente contatado.

O governo chinês está investigando empresas nacionais e estrangeiras sobre possíveis subornos e alegações de fixação de preços, em um esforço para fazer uma faxina no setor empresarial do país.

Na semana passada, o regulador de preço da China informou que planejava investigar os setores de petróleo, telecomunicações, de bancos e automóveis por possíveis violações das leis antitruste.

(Por Lee Chyen Yee em Cingapura)