Juiz nos EUA aprova acordo de US$730 mi entre Citigroup e donos de bônus

terça-feira, 20 de agosto de 2013 12:41 BRT
 

NOVA YORK, 20 Ago (Reuters) - Um juiz federal aprovou um acordo em que o Citigroup concordou em pagar 730 milhões de dólares aos detentores de bônus para resolver alegações de que o banco desfez sua exposição a bilhões de dólares em ativos hipotecários tóxicos antes da crise financeira.

O juiz distrital Sidney Stein em Manhattan aprovou o acordo nesta terça-feira, menos de três semanas após aprovar um acordo semelhante de 590 milhões de dólares para acionistas do Citigroup.

Stein disse que este último acordo resolve reclamações de investidores que compraram títulos de dívida do Citigroup em 48 ofertas, entre maio de 2006 e agosto de 2008.

(Reportagem de Jonathan Stempel)