Ações asiáticas se fortalecem após dados positivos

sexta-feira, 23 de agosto de 2013 08:11 BRT
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO, 23 Ago (Reuters) - As ações asiáticas registraram um encerramento otimista nesta sexta-feira para uma semana em grande parte negativa, visto que dados econômicos sugerindo que a economia global está melhorando reduziram o efeito dos temores persistentes de que o banco central dos Estados Unidos começará a retirar seu estímulo no próximo mês.

Às 7h58 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,7 por cento, recuperando-se de mínima em seis semanas atingida na quinta-feira e rompendo com uma série de seis pregões de perdas, a mais longa desde março de 2012.

Mesmo assim, parecia inclinado a fechar em baixa de 3,1 por cento na semana, seu pior resultado em nove semanas.

O índice japonês Nikkei teve desempenho acima da média, subindo 2,21 por cento, à medida que o iene mais fraco deu um impulso às ações do setor de exportação. O Nikkei conseguiu um ganho semanal de 0,1 por cento, em alta pela segunda semana consecutiva, embora os participantes do mercado tenham dito que o rali desta sexta-feira não é necessariamente um indicador de grande mudança na confiança.

Pesquisas Índice dos Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) mostraram um crescimento melhor que o esperado na zona do euro, recuperação na indústria da China e aumento da atividade industrial nos Estados Unidos para máxima em cinco meses neste mês.

Mas os dados mais otimistas dos Estados Unidos têm um ponto fraco que alguns estrategistas disseram que irá limitar os ganhos do mercado, à medida que reforça as expectativas de que a economia está forte o suficiente para que o Fed comece a reduzir seu quantitative easing (programa de compra de títulos) a partir do próximo mês. Isso pode tirar mais capital de países emergentes, cujos mercados têm sentido o impacto nas últimas sessões.