Rússia reduz previsões de crescimento econômico para 2013-2014--fonte

segunda-feira, 26 de agosto de 2013 08:20 BRT
 

MOSCOU, 26 Ago (Reuters) - O Ministério da Economia da Rússia reduziu suas estimativas de crescimento para 2013 e 2014 pela segunda vez neste ano, depois que a economia cresceu no ritmo mais lento desde a queda de 2009, mostraram documentos obtidos pela Reuters nesta segunda-feira.

O Ministério da Economia reduziu sua projeção de 2013 para 1,8 por cento, ante 2,4 por cento. O ministério rebaixou a perspectiva de 2014 para um patamar de 2,8 a 3,2 por cento, ante 3,7 por cento. A economia cresceu 3,4 por cento em 2012.

O ministério elevou sua estimativa de inflação para o próximo ano para 4,5 a 5,5 por cento, ante 4 a 5 por cento, esperando que os preços ao consumidor subam de 5 a 6 por cento em 2013.

O crescimento mais fraco irá pressionar o orçamento do ministro das Finanças russo, Anton Siluanov, que irá apresentá-lo perante o Parlamento em breve.

(Reportagem de Darya Korsunskaya)