Banqueiros suíços buscam encerrar disputa fiscal com EUA

quarta-feira, 28 de agosto de 2013 07:39 BRT
 

ZURIQUE, 28 Ago (Reuters) - A Associação dos Banqueiros Suíços (SBA, na sigla em inglês) apoiou o projeto para um acordo entre a Suíça e os Estados Unidos que visa acabar com uma disputa fiscal de longa duração, disse uma porta-voz da SBA.

Autoridades dos EUA multaram dois bancos suíços por ajudar norte-americanos ricos a evadir impostos e estão investigando outra dúzia de instituições, enquanto muitas outras enfrentam inquéritos por transgressões similares, num momento em que o governo suíço se empenha em encerrar a disputa.

A mais recente proposta lida principalmente com um acordo para cerca de 100 bancos suíços que tinham clientes dos EUA, mas ainda não estão sendo investigados pelas autoridades judiciais norte-americanas.

Segundo o jornal suíço Tages-Anzeiger, esses bancos podem enfrentar multas de 20 a 50 por cento sobre a quantia de cidadãos norte-americanos que supostamente ajudaram a esconder das autoridades dos EUA.

O jornal disse ter visto uma cópia da proposta apresentada à SBA.

"O conselho de diretores apoia totalmente o programa como a melhor entre as alternativas", disse uma porta-voz da SBA nesta quarta-feira.

Ela se recusou a dar detalhes da proposta ou comentar sobre as potenciais multas destacadas pelo Tages-Anzeiger.

(Martin de Sa'Pinto)