CNA vê perspectiva positiva para PIB agropecuário no 3o tri

sexta-feira, 30 de agosto de 2013 14:45 BRT
 

SÃO PAULO, 30 Ago (Reuters) - A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) avalia que o PIB da agropecuária deverá apresentar um resultado positivo no terceiro trimestre, mantendo o crescimento verificado nos trimestre anteriores de 2013, ano em que o Brasil registra safras recordes e recuperação após colheitas frustradas pelo clima em 2012.

"A previsão é que se mantenha o ritmo de crescimento em razão do avanço da colheita de importantes culturas", disse a CNA em nota, citando safras maiores no período, como a cana-de-açúcar, o milho segunda safra, o feijão segunda safra e o trigo.

A avaliação da CNA foi feita após a divulgação do PIB do segundo trimestre pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta sexta-feira.

O PIB da agropecuária cresceu 3,9 por cento no período de abril a junho, na comparação com o primeiro trimestre, e subiu 13 por cento na comparação com o mesmo período de 2012.

A colheita recorde de 186,1 milhões de toneladas de grãos e fibras na safra 2012/2013 determinou o bom resultado do PIB da agropecuária no primeiro semestre de 2013, destacou a presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, em nota.

Em 12/13, produtores de grãos elevaram o plantio na esteira dos preços internacionais recordes do ano passado, por conta de quebras de safras na América do Sul e nos Estados Unidos, afetados pelo tempo desfavorável.

Contando com um tempo favorável, de maneira geral, produtores brasileiros registraram boas produtividades em 12/13. Além disso, os agricultores foram favorecidos pela expansão do crédito, o que permitiu melhoria do nível tecnológico das lavouras, disse a presidente da CNA.

Para 2013, a confederação estima crescimento de cerca de 18 por cento para a agropecuária. "Este aumento vai sustentar o bom desempenho do agronegócio (que inclui as indústrias), com alta de 4,5 a 5 por cento, recuperando as perdas causadas por problemas climáticos verificadas em 2012", disse a CNA.

O ministro da Agricultura, Antônio Andrade, disse que o país vive um de seus melhores momentos no campo.   Continuação...