Merkel irá pressionar G20 por regras para mercados financeiros

sábado, 31 de agosto de 2013 14:35 BRT
 

BERLIM, 31 Ago (Reuters) - A chanceler alemã Angela Merkel disse que iria pressionar o G20 para fazer progresso sobre a regulação de mercados financeiros e reduzir a evasão fiscal, optando por assinar políticas de um assunto que é seu principal desafio nas eleições de setembro.

Merkel, que enfrenta o líder de esquerda Peer Steinbrueck em um debate na TV no domingo, disse que pretende pedir aos líderes das 20 maiores economias do mundo para um acordo sobre um prazo para ações para fortalecer a regulação do chamado "sistema bancário paralelo".

Um dos principais pilares da campanha de Steinbrueck tem sido em denunciar o que chama de "ditadura dos mercados financeiros".

Líderes mundiais irão se reunir em 5 e 6 de setembro na Rússia para negociar a parte final de suas reformas regulatórias na crise financeira, regras para esse setor, e uma variedade de intermediários financeiros.

Merkel disse em um podcast neste sábado que a Alemanha iria garantir que o G20 continue a fortalecer a regulação dos mercados financeiros, destacando seu objetivo de "regular cada ator do mercado financeiro, todos os produtos financeiros e todos os centros financeiros".

(Por Sarah Marsh)

 
Chanceler alemã Angela Merkel é vista durante evento de campanha em Frankfurt. Merkel disse que iria pressionar o G20 para fazer progresso sobre a regulação de mercados financeiros e reduzir a evasão fiscal, optando por assinar políticas de um assunto que é seu principal desafio nas eleições de setembro. 30/08/2013 REUTERS/Kai Pfaffenbach