Produtores de café do Vietnã buscam acordos para nova safra

segunda-feira, 2 de setembro de 2013 15:02 BRT
 

CINGAPURA, 2 Set (Reuters) - Vendedores de café do Vietnã, maior produtor mundial do robusta, buscam oferecer mais grãos da nova safra enquanto o produto é negociado prêmios antes da colheita, que deverá ser abundante, disseram operadores nesta segunda-feira.

O café robusta vietnamita está sendo oferecido com prêmios sobre os futuros de Londres, com os vendedores interessados de fixar acordos com os compradores antes que os preços domésticos recuem por conta de um aumento da oferta.

Os grãos do Vietnã normalmente são negociados abaixo dos futuros de Londres quando a colheita atinge seu auge.

"Nós recebemos ofertas de café tipo 2 com prêmios de 60 dólares. Ofertas têm ido e vindo, mas nós esperamos ver mais na segunda metade de setembro", disse um operador de Cingapura, referindo-se ao robusta vietnamita de alta qualidade.

"Nada foi negociado até o momento. Há uma chance de que a colheita no Vietnã comece mais cedo. Os prêmios na Indonésia ainda estão entre 80 e 110 dólares. Há muito café."

A colheita na Indonésia está na fase final, e o mercado espera ver mais ofertas do país, que é o segundo maior produtor mundial de robusta, devido à fraqueza da rupia.

A próxima safra do Vietnã deverá começar em outubro, com a produção da temporada que termina em setembro de 2014 estimada em um recorde de 25 milhões de sacas de 60 kg, de acordo com pesquisa da Reuters.

(Reportagem de Lewa Pardomuan)