EADS está sem pressa para fechar fusões e aquisições, diz executivo

terça-feira, 10 de setembro de 2013 09:43 BRT
 

PAU, França, 10 Set (Reuters) - A EADS planeja ajustar seu portfólio conforme reorganiza sua atividades de defesa e espaço em uma única divisão, mas não está com pressa para embarcar em novos negócios, disse o vice-presidente de estratégia do grupo aeroespacial nesta terça-feira.

"Poderia haver alienações e aquisições como parte do movimento para uma única divisão de defesa e espaço ... mas temos que dar tempo para deixar a nova equipe se estabelecer", disse Marwan Lahoud, vice-presidente de estratégia e marketing, a jornalistas.

"Depois disso iremos anunciar algumas coisas."

A EADS, controladora da fabricante de aviões Airbus, anunciou em julho que iria combinar suas subsidiárias de defesa e espaço e renomear o grupo com o nome da marca Airbus a partir de janeiro.

A reestruturação deve ser concluída em julho de 2014.

A350 A CAMINHO

Lahoud disse que os testes para a nova versão do jato de passageiros, o A350, estão indo bem.

"Não houve problemas com o A350. Os testes de voo estão de acordo com o plano. Estamos seguindo com o programa e estamos confiantes de atender nossas metas de certificação e primeira entrega."

A Airbus espera entregar o primeiro avião de médio tamanho para voar em longas distâncias, destinado para competir com o 787 Dreamliner da Boeing, no segundo semestre do próximo ano.

Lahoud também disse que a Airbus estava tentando finalizar pedidos pelo A380 Superjumbo.

(Por Patrick Vignal)