MMX negocia com Mubadala e Trafigura venda de controle de porto por US$400 mi

terça-feira, 10 de setembro de 2013 10:57 BRT
 

SÃO PAULO, 10 Set (Reuters) - A MMX negocia a venda do controle do Porto Sudeste, seu principal ativo, para as estrangeiras Trafigura e Mudabala por 400 milhões de dólares, informou a mineradora de Eike Batista nesta terça-feira.

A trading Trafigura e o Mubadala, fundo soberano de Abu Dhabi, deverão subscrever novas ações na MMX Porto Sudeste.

A MMX Porto Sudeste também vai assumir todas as dívidas bancárias da MMX Sudeste Mineração S.A e dos títulos MMXM11 após a conclusão do acordo, o que deve demorar quatro semanas, informou a empresa.

Concluído o negócio, Trafigura e Mubadala terão juntas 65 por cento da MMX Porto Sudeste.

O porto, no litoral do Rio de Janeiro, é considerado um dos ativos mais valiosos entre as empresas do grupo EBX, de Eike.

O terminal deverá ter capacidade de movimentar 50 milhões de toneladas de minério de ferro por ano, com a conclusão da primeira fase de obras em meados de 2014. Há um plano de expansão de sua capacidade de movimentação para 100 milhões de tonelada por ano.

(Por Gustavo Bonato)