Conab reduz previsão para safra e exportação de trigo em 13/14

terça-feira, 10 de setembro de 2013 16:42 BRT
 

SÃO PAULO, 10 Set (Reuters) - A safra brasileira de trigo em 2013 foi estimada em 4,95 milhões de toneladas, forte queda ante a projeção anterior de 5,62 milhões de toneladas, por conta de geadas recentes no Estado do Paraná, disse a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) nesta terça-feira.

"Em 24 e 25 de julho houve forte geada, atingindo praticamente todo o Paraná. (...) As geadas comprometeram, nesta ocasião, 26 por cento da produtividade do trigo em relação ao levantamento anterior", disse a Conab, em relatório mensal.

O trigo colhido na região norte do Paraná tem apresentado baixa qualidade devido a doenças causadas por chuvas registradas em junho, avaliou a Conab.

"Poucas áreas que foram afetadas pela geada de julho já foram colhidas, não sendo possível mensurar ainda o efeito da geada na qualidade", acrescentou a companhia, em nota.

Apesar da queda na previsão da produção brasileira, a Conab reduziu sua estimativa de importações de trigo na temporada.

Em agosto a entidade projetou compras externas de 6,8 milhões de toneladas, contra 6,6 milhões da estimativa mais recente. Com consumo interno mantido no patamar de 10,7 milhões de toneladas, o ajuste da Conab foi feito na projeção para exportações e de estoques finais, ambos reduzidos.

A companhia reduziu em 600 mil toneladas a projeção para exportação em 2013/14, contra 1,2 milhão de toneladas vistos em agosto. O resultado é uma previsão menor para os estoques finais da temporada, passando para 517 mil toneladas, contra 788 mil anteriormente.

Para atender a demanda por trigo estrangeiro num momento em que a disponibilidade do produto argentino --principal fornecedor brasileiro-- é escassa, a Câmara de Comércio Exterior autorizou esta semana uma cota adicional de 400 mil toneladas a serem compradas fora do Mercosul com isenção de tarifas, elevando o volume total livre de Tarifa Externa Comum para 2,7 milhões de toneladas.

SOJA E MILHO   Continuação...