Baosteel corta descontos sobre preços de aço, vê demanda melhor

quarta-feira, 11 de setembro de 2013 08:12 BRT
 

XANGAI, 11 Set (Reuters) - A siderúrgica chinesa Baosteel afirmou nesta quarta-feira que vai manter os preços de tabela de produtos laminados a quente para as encomendas de outubro, mas vai retirar descontos oferecidos sobre eles e também aumentar preços de outros produtos.

Os movimentos de preços da maior siderúrgica em valor de mercado da China, que são acompanhados de perto por traders e analistas interessados em seguir as tendências de mercado, sinalizam uma perspectiva positiva para a demanda.

A Baosteel afirmou após o fechamento dos mercados asiáticos nesta quarta-feira que está retirando o desconto de 100 iuanes (16,34 dólares) por tonelada de laminados a quente, que antes concedia a distribuidores. A empresa não informou há quanto tempo mantinha o desconto.

A companhia também anunciou alta nos preços de laminados a frio, usados principalmente por montadoras de veículos e em eletrodomésticos, em 100 iuanes a tonelada, informou a companhia em seu site (www.bsteel.com.cn).

A empresa tinha elevado os preços de laminados a quente e a frio para encomendas feitas em setembro.

A demanda por aço na China, maior consumidor da liga metálica do mundo, tem surpreendido o mercado ao subir antes da forte temporada de consumo que ocorre nos meses de setembro e outubro, o que fez as usinas aumentarem taxas de produção em agosto.

"O aumento é modesto, mas manda um sinal positivo de que a companhia espera que a demanda continue saudável no futuro próximo", disse Cheng Xubao, analista da consultoria Custeel.com, em Pequim, sobre os movimentos de preços da Baosteel.

(Por Ruby Lian e Fayen Wong)