BNDES aprova R$207,7 mi para unidade de etanol de 2a geração da Raízen

quinta-feira, 12 de setembro de 2013 16:49 BRT
 

SÃO PAULO, 12 Set (Reuters) - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de 207,7 milhões de reais para a Raízen construir uma unidade de produção de etanol de segunda geração --tendo como matéria-prima a biomassa da cana-de-açúcar--, no interior de São Paulo, informou nesta quinta-feira a instituição em comunicado.

A Raízen é uma joint venture da Cosan e da Shell no setor sucroenergético.

(Por Roberto Samora)