Bolívia não vai compensar Abertis por estatização de filial

sexta-feira, 13 de setembro de 2013 13:01 BRT
 

LA PAZ, 13 Set (Reuters) - O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse nesta sexta-feira que não vai compensar o grupo espanhol Abertis pela estatização de sua subsidiaria local, a aeroportuária Sabsa.

A Sabsa, que opera os três principais aeroportos do país, foi estatizada em fevereiro sob alegações de não cumprir seus compromissos de investimento na concessão.

Morales disse, em discurso, querer acelerar o processo de compensação da elétrica espanhola Iberdrola pela nacionalização de suas duas distribuidoras elétricas no final do ano passado.

(Reportagem de Daniel Ramos)