Setor manufatureiro dos EUA cresce em agosto

segunda-feira, 16 de setembro de 2013 13:38 BRT
 

Por Lucia Mutikani

WASHINGTON, 16 Set (Reuters) - A produção industrial dos Estados Unidos cresceu em agosto graças a uma recuperação na montagem de veículos automotores, um sinal animador para a economia depois que o crescimento iniciou o terceiro trimestre de maneira lenta.

Apesar de outro relatório divulgado nesta segunda-feira mostrar leve desaceleração na atividade industrial no estado de Nova York neste mês, as empresas ficaram otimistas quanto ao futuro. Além disso, novas encomendas e embarque de mercadorias subiram. Todos os dados apontam para aceleração na manufatura depois que o setor perdeu força na primavera (no hemisfério norte).

"O crescimento no setor manufatureiro está acelerando e será mais rápido no balanço do ano do que tem sido nos últimos meses", disse o economista-chefe da RDQ Economics, John Ryding.

A produção industrial aumentou 0,4 por cento no mês passado, depois de ter ficado inalterada em julho, informou o Federal Reserve, banco central dos EUA. O aumento ficou em linha com as expectativas de economistas.

Separadamente, o Federal Reserve de Nova York informou que o índice de condições empresariais Empire State caiu para 6,29 ante 8,24 em agosto. Uma leitura acima de zero indica expansão.

Contudo, as empresas esperam melhora no meses à frente. O índice de condições empresariais de seis meses alcançou o nível mais alto em quase 1 ano e meio em setembro.

"Vemos esse otimismo com o futuro como mais um indicativo da disposição das empresas de investir se a economia se recuperar mais agressivamente", disse a economista Yelena Shulyatyeva, do BNP Paribas.

Além disso, uma medida de novas encomendas teve forte alta depois de ter ficado próximo de zero em agosto. Os embarques de novas mercadorias subiram para o nível mais alto em mais de 1 ano.   Continuação...

 
Operários na linha de produção do modelo Jeep Cherokee, em planta da Chrysler em Toledo, no Estado de Ohio, EUA. A produção industrial dos Estados Unidos cresceu em agosto, uma vez que uma recuperação na montagem de veículos automotores alavancou a produção manufatureira, indicação animadora para a economia depois que o crescimento começou o terceiro trimestre de maneira lenta. 18/07/2013. REUTERS/James Fassinger