Dow Jones e S&P 500 têm leve queda após decisão do Fed

quinta-feira, 19 de setembro de 2013 17:57 BRT
 

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK, 19 Set (Reuters) - Dois dos três principais índices de ações dos Estados Unidos tiveram leve queda nesta quinta-feira, com investidores tomando fôlego após a decisão do Federal Reserve de manter o estímulo desencadear um rali que levou o Dow Jones e o S&P 500 a máximas históricas.

O índice Dow Jones recuou 0,26 por cento, para 15.636 pontos. O S&P 500 teve desvalorização de 0,18 por cento, para 1.722 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,15 por cento, para 3.789 pontos.

Os índices oscilaram entre perdas e ganhos modestos sob a sombra do rali de quarta-feira, com o S&P 500 variando menos de 10 pontos entre a máxima e a mínima do pregão.

Muitos agentes do mercado esperavam que o Fed anunciasse o início da redução do estímulo, mas o ritmo do programa foi mantido em 85 bilhões de dólares por mês. As compras de ativos têm tido papel fundamental na alta de quase 20 por cento do S&P 500 neste ano.

"Não é incomum --e não importa qual a circunstância-- que os mercados tenham um ajuste após um dia de forte alta ou queda", disse o vice-presidente sênior do Cuttone & Co, Keith Bliss. "As pessoas vão fazer uma reavaliação neste momento, porque estamos em território desconhecido".

O Fed disse querer mais evidências de crescimento econômico sólido antes de começar a retirar seu estímulo. Dados mostraram nesta quinta-feira que a atividade fabril na região do médio-Atlântico dos EUA cresceu no maior ritmo em mais de dois anos, e o otimismo de empresas sobre o futuro atingiu a máxima em dez anos.

Um levantamento da Reuters com 17 operadores primários de títulos mostrou na quarta-feira que nove esperam agora que o banco central norte-americano reduza suas compras de bônus em dezembro, mas a maioria disse que suas projeções não eram nem um pouco seguras.