Iberdrola negocia saída de consórcio nuclear no Reino Unido

sexta-feira, 20 de setembro de 2013 17:46 BRT
 

MADRI/PARIS, 20 Set (Reuters) - A espanhola Iberdrola, que anunciou uma imensa venda de ativos para pagar dívidas, está negociando a venda de sua fatia de 50 por cento no consórcio nuclear britânico NuGen para a construtora de unidades nucleares Westinghouse, da Toshiba, disse uma fonte com conhecimento do assunto na sexta-feira.

A NuGen, joint venture da Iberdrola e da francesa GDF Suez, possui uma unidade em Sellafield, na remota costa noroeste da Inglaterra, onde pretende construir 3,6 gigawatt (GW) de capacidade nuclear.

A Inglaterra tem um programa nuclear ambicioso para substituir plantas antigas e poluidoras até o meio da próxima década, e diz que vai encorajar investimentos.

Mas mudanças regulatórias feitas depois do acidente em Fukushima, no Japão, e debates sobre quanto dinheiro público deve ser dado às empresas para as novas usinas atrasaram os projetos.

A Iberdrola prepara a venda estratégica de 2 bilhões de euros em ativos até 2014 para reduzir dívida, mas disse planejar novos investimentos no Reino Unido.

(Por Tracy Rucinski, Andres Gonzalez e Geert De Clercq)