Setor privado alemão cresce em setembro no ritmo mais rápido desde janeiro--PMI

segunda-feira, 23 de setembro de 2013 07:44 BRT
 

BERLIM, 23 Set (Reuters) - O setor privado da Alemanha cresceu em setembro no ritmo mais rápido desde janeiro, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês), sugerindo que a maior economia da Europa vai crescer de novo neste trimestre, embora menos do que nos três meses anteriores.

O PMI composto preliminar do Markit, que acompanha o crescimento tanto na indústria quanto no setor de serviços e cobre mais de dois terços da economia, avançou para 53,8 em setembro ante 53,5 em agosto.

A leitura ficou acima da marca de 50 que separa crescimento de contração pelo quinto mês seguido, uma vez que as empresas se beneficiaram de um aumento nos novos negócios, particularmente no setor de serviços.

"A economia da Alemanha permaneceu firmemente em modo de recuperação durante setembro, e o fortalecimento de sua performance deve continuar a reverberar na zona do euro", disse Tim Moore, economista sênior do Markit.

Chris Williamson, economista-chefe do Markit, disse que o PMI sugere que a economia vai crescer em torno de 0,4 por cento no terceiro trimestre.

O setor industrial expandiu pelo terceiro mês consecutivo, embora o ritmo de expansão tenha desacelerado ligeiramente em comparação com agosto. O PMI de indústria atingiu 51,3 em setembro, ante 51,8 no mês anterior.

Já o setor de serviços teve desempenho melhor, com seu índice avançando com mais força do que em qualquer momento desde fevereiro ao atingir 54,4 em setembro.

Para mais informações, veja a matéria em inglês:

(Reportagem de Sophie Duvernoy e Michelle Martin)