GE assina contratos de US$2,7 bi para geração de energia na Argélia

segunda-feira, 23 de setembro de 2013 12:35 BRT
 

23 Set (Reuters) - A General Electric assinou três contratos para vender cerca de 2,7 bilhões de dólares em equipamentos de energia para a Argélia, país norte-africano que quer aumentar expressivamente sua capacidade de geração.

O maior contrato, de seis usinas de ciclo combinado no valor de 1,9 bilhão de dólares, irá adicionar 8 gigawatts (GWs) à capacidade de geração da Argélia, um aumento de 70 por cento, disse a GE.

Estima-se que a demanda por energia na Argélia esteja crescendo a uma taxa média anual de cerca de 14 por cento, passando de cerca de 12 GWs para 20 GWs em 2017, disse a GE em um comunicado.

Os outros dois contratos incluem dois projetos que somam 528 MWs de capacidade para a demanda de pico deste verão, e uma nova usina de ciclo simples, que irá adicionar 370 MWs à rede elétrica da Argélia, afirmou a GE.

O maior contrato é com a Société Algerienne de Production de l'Eléctricité, uma unidade da companhia nacional de gás e eletricidade da Argélia, o Grupo Sonelgaz.

A GE afirmou que também planeja uma joint venture com a Sonelgaz para construir uma fábrica na Argélia para produzir equipamentos com capacidade de gerar mais de 2 GWs por ano, criando cerca de 400 postos de trabalho.

(Por Bijoy Koyitty e Sagarika Jaisinghani)