Setor de material de construção reduz intenção de investimentos

quarta-feira, 25 de setembro de 2013 10:13 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A expectativa sobre as vendas de materiais de construção no Brasil no curto prazo continua boa, mas a intenção de investimentos do setor nos próximos 12 meses em setembro ficou menor, informou nesta quarta-feira a Abramat, associação que representa a indústria.

A intenção de investimentos nos próximos 12 meses caiu de 74 por cento em agosto para 67 por cento neste mês, segundo levantamento da Abramat. No mesmo período de 2012, a pretensão era de 81 por cento.

Para o presidente da entidade, Walter Cover, o recuo na intenção de investir ocorre em um momento de incerteza sobre a desoneração do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para o setor de construção após cinco anos de continua desoneração.

"Também há incerteza sobre a velocidade de recuperação das vendas para o segmento da infraestrutura, que estiveram bastante deprimidas em 2012 e neste ano", afirmou em nota.

Segundo a pesquisa, 55 por cento das indústrias avalia que setembro será um "bom" período para as vendas, depois que 50 por cento constatou o mesmo sobre o desempenho no mês anterior.

Para outubro, a expectativa geral aponta para bom, com 73 por cento das respostas, de acordo com o levantamento.

O nível atual de utilização da capacidade instalada em setembro é de 83 por cento, mesma média verificada em agosto.

(Por Juliana Schincariol)