Ações dos EUA interrompem série de 5 perdas por dados de emprego

quinta-feira, 26 de setembro de 2013 20:43 BRT
 

NOVA YORK, 26 Set (Reuters) - O índice Standard & Poor's 500 interrompeu série de cinco perdas consecutivas nesta quinta-feira devido a dados positivos sobre o mercado de trabalho, mas os ganhos foram limitados pelo temor de investidores sobre o prazo para congressistas em Washington evitarem a paralisação do governo e o possível default da dívida norte-americana.

O índice Dow Jones avançou 0,36 por cento, para 15.328 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve valorização de 0,35 por cento, para 1.698 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,70 por cento, para 3.787 pontos.

O número de pedidos iniciais de auxílio-desemprego recuou na semana passada para perto da mínima em seis anos, informou o Departamento de Trabalho. Outros dados sobre o setor imobiliário e os preços ao consumidor foram sinais menos positivos de recuperação.

O resultado dos pedidos de auxílio semanal ocorreu antes da divulgação do relatório de desemprego em setembro, que será importante fator na decisão do Federal Reserve, banco central dos EUA, de quando mudar a política monetária.

"Se o número de hoje foi um bom, quando virmos o relatório de emprego em 4 de outubro, o número será bastante forte", disse o estrategista-chefe de mercados de renda variável do Federated Investors, Phil Orlando.

"Isso nos fornecerá mais um sinal sobre a força do mercado de trabalho, que foi um dos motivos pelo qual o Fed decidiu não começar a reduzir o estímulo".

O Dow Jones e o S&P 500 fecharam em alta após cinco sessões de perdas, enquanto o Nasdaq fechou perto da máxima em 13 anos.

O Congresso dos EUA, enfrentando a possibilidade de paralisação do governo na próxima semana, foi alertado pelo governo do presidente Barack Obama na quarta-feira que os recursos do Tesouro para pagar as contas estão acabando, e o país enfrentará em breve um default.

(Reportagem de Ryan Vlastelica)