Oi e Portugal Telecom se unem e esperam sinergias de R$5,5 bi

quarta-feira, 2 de outubro de 2013 20:49 BRT
 

Por Alberto Alerigi Jr. e Luciana Bruno

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO, 2 Out (Reuters) - A Oi e a Portugal Telecom acertaram uma fusão que prevê um aumento de capital de pelo menos 7 bilhões de reais da empresa brasileira, no mais recente movimento de consolidação no setor de telecomunicações global.

A operação, anunciada na madrugada desta quarta-feira, criará a CorpCo, uma multinacional com cerca de 100 milhões de clientes e com previsão de sinergias de cerca de 5,5 bilhões de reais.

Após a conclusão do negócio, os acionistas da Portugal Telecom terão entre 36,6 e 39,6 por cento da CorpCo, com a maioria do capital nas mãos de investidores brasileiros, entre eles o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e grandes fundos de pensão.

A transação prevê a incorporação da Portugal Telecom pela CorpCo e simplificará a complexa estrutura societária atual das duas empresas. O novo grupo terá capital pulverizado, sem a figura de grupo de controle.

O acordo acontece pouco tempo após a Oi ter feito grande corte em sua política de dividendos, pressionada por uma dívida líquida de quase 30 bilhões de reais e necessidade de acelerar investimentos no Brasil.

O mercado especulava há meses sobre a união das duas companhias, em apostas reforçadas a partir de junho quando o engenheiro Zeinal Bava, 47, deixou o comando da Portugal Telecom para liderar a Oi.

A operação é anunciada cerca de uma semana depois que a espanhola Telefónica fechou acordo com os outros acionistas da holding controladora da Telecom Italia para aumentar participação no grupo italiano. No Brasil, a Telefónica controla a Vivo e a Telecom Italia é dona da TIM Participações, ambas rivais da Oi.

Também acontece no mês seguinte a um importante movimento no setor de telefonia nos Estados Unidos, quando a Verizon Communications fechou a compra dos 45 por cento restantes na Verizon Wireless que pertenciam à britânica Vodafone por 130 bilhões de dólares.   Continuação...

 
Logotipo da Oi, empresa de telecomunicações do Brasil, é visto em uma loja em São Paulo. A Oi e a Portugal Telecom acertaram uma fusão que prevê um aumento de capital de pelo menos 7 bilhões de reais da empresa brasileira, no mais recente movimento de consolidação no setor de telecomunicações global. 02/10/2013 REUTERS/Nacho Doce