Cade autoriza convênio entre Serasa e SPC Brasil sem restrições

quinta-feira, 10 de outubro de 2013 08:58 BRT
 

9 Out (Reuters) - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira um convênio entre Serasa e Serviço Nacional de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) sem restrições, segundo comunicado.

O acordo de cooperação prevê acesso recíproco às bases de dados de pessoas físicas e jurídicas e desenvolvimento conjunto de novos serviços de informações para o crédito. A operação mantém as instituições separadas e com banco de dados independentes.

O setor de serviço de informações para o crédito no Brasil é formado por três empresas - Serasa, SPC Brasil e Boa Vista Serviços. Mesmo assim, o Cade avaliou que a Boa Vista terá "plenas condições de disputar o mercado" com as conveniadas.

Na avaliação do conselheiro relator do caso, Eduardo Pontual Ribeiro, a Boa Vista possui banco de dados amplo e atrativo, e atua com empresa que possui experiência internacional no setor, a Equifax Brasil.

Ribeiro destacou que a Boa Vista mantém relacionamento com entidades lojistas reunidas numa plataforma de compartilhamento denominada Rede Verde Amarela. "Isso permite que ela rivalize com as duas novas parceiras. Desse modo, o incremento de poder da Serasa não desfavorece o mercado", disse. (Por Natalia Gómez)