Governo autoriza Petrobras a importar GNL por terminal da Bahia

quinta-feira, 10 de outubro de 2013 16:51 BRT
 

SÃO PAULO, 10 Out (Reuters) - O Ministério de Minas e Energia autorizou a Petrobras a importar gás natural liquefeito (GNL) pelo terminal de regaseificação da Bahia, de acordo com portaria publicadas no Diário Oficial da União nesta quinta-feira.

A Petrobras poderá importar 11 milhões de metros cúbicos de GNL no mercado de curto prazo para atender à demanda potencial no Brasil, exceto a região Norte e o Mato Grosso, segundo a portaria.

O gás, cujo fornecedor não está previamente definido, será entregue no terminal de regaseificação localizado na Baía de Todos os Santos (BA). A autorização da Petrobras terá validade até 30 de janeiro de 2015.

Uma outra portaria publicada no DOU desta quinta-feira autoriza a Tradener, empresa que atua no setor de comercialização de energia, autoriza a importação da Bolívia de até 100 mil metros cúbicos de gás natural, em seu estado natural.

O gás será transportado pelo Gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol). A entrega será feita na fronteira entre Bolívia e Brasil, no Mato Grosso do Sul, próximo à cidade de Corumbá e o gás deverá atender ao segmento industrial no Paraná. A autorização para a Tradener tem validade de 180 dias.

(Por Anna Flávia Rochas)