Banco Wells Fargo tem lucro maior, mas mostra queda em hipotecas

sexta-feira, 11 de outubro de 2013 11:33 BRT
 

(Reuters) - O Wells Fargo, maior banco de hipotecas dos Estados Unidos, teve um aumento de 13 por cento no lucro do terceiro trimestre, mas viu a receita no segmento de crédito imobiliário caiu fortemente com a desaceleração no crescimento de refinanciamentos.

O lucro líquido aplicável aos detentores de ações ordinárias subiu para 5,32 bilhões de dólares, ou 0,99 dólar por ação, ante 4,72 bilhões, ou 0,88 dólar por ação, um ano antes. Analistas, em média, esperavam que o Wells Fargo tivesse lucro de 0,97 dólar por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

O Wells Fargo ganhou 80 bilhões em empréstimos imobiliários, um recuo ante os 139 bilhões registrados um ano antes.

O lucro na unidade de hipotecas caiu 43 por cento, para 1,61 bilhão de dólares devido a menores empréstimos assim como os menores ganhos na venda de hipotecas a investidores.

Receitas maiores de alguns dos outros negócios do Wells Fargo minimizaram o impacto da queda no segmento de hipotecas.

O banco reduziu provisões para perdas com empréstimos em 900 milhões de dólares, o maior corte desde o segundo trimestre de 2011.

Mais cedo nesta sexta-feira, o JPMorgan, maior banco dos EUA em ativos, anunciou um raro prejuízo trimestral, após registrar 9,2 bilhões de dólares em despesas legais, incluindo provisões para futuros acordos.