PSA Peugeot prepara aumento de capital com Dongfeng, dizem fontes

sábado, 12 de outubro de 2013 17:23 BRT
 

Por Sophie Sassard

PARIS, 12 Out (Reuters) - A PSA Peugeot Citroën está preparando um aumento de capital de 3 bilhões de euros (4,1 bilhões dólares) no qual a parceira chinesa Dongfeng e o governo francês levariam participações correspondentes na montadora, disseram pessoas com conhecimento do assunto na sexta-feira.

Uma delegação francesa de executivos, funcionários do governo e banqueiros está indo para a China para negociar a preparação de um esboço para um acordo que poderia ser assinado dentro de algumas semanas, disseram três fontes que pediram para não serem identificadas.

Pelo esboço do acordo, que a Peugeot espera concluir este ano, a estatal Dongfeng Motor e o governo francês iriam contribuir com 1,5 bilhão de euros cada e adquirir de 20 a 30 por cento da montadora, disseram as pessoas.

A família Peugeot perderia o controle da empresa porque a injeção de dinheiro iria diluir sua participação para 25,4 por cento e para 38,1 por cento dos direitos de voto.

O aumento de capital seria acompanhado por uma expansão da DPCA, a joint venture entre Dongfeng e Peugeot na China, adicionando mais veículos da Peugeot e tecnologia para atingir outros mercados da região, disseram as fontes.

A Peugeot, entre as piores vítimas de uma queda de seis anos nas vendas de automóveis na Europa, está buscando mais cooperação com a Dongfeng ou outra montadora enquanto se esforça para reduzir custos e perdas que ameaçaram sua sobrevivência.

"A Peugeot confirma que está estudando novos projetos industriais e comerciais, com diferentes parceiros, bem como o financiamento para acompanhá-los", disse um porta-voz da empresa, sem dar maiores detalhes. "Nenhum desses planos já chegaram a um estágio avançado."

O ministério das Finanças francês se recusou a comentar. Representantes da Dongfeng não estavam imediatamente disponíveis fora do horário de expediente.