Líder da maioria no Senado diz estar trabalhando para reabrir governo dos EUA

segunda-feira, 14 de outubro de 2013 08:23 BRT
 

WASHINGTON, 13 Out (Reuters) - O líder da maioria no Senado dos Estados Unidos, Harry Reid, disse que iria trabalhar com o líder republicano no Senado, Mitch McConnell, durante todo o domingo para chegar a um acordo para reabrir o governo e estender o teto da dívida do país.

Reid também negou as acusações republicanas de que os democratas estavam tentando ultrapassar os limites de gastos estabelecidos por lei orçamentária de 2011 nas negociações, acrescentando que eles estavam dispostos a apoiar os níveis atuais até 15 de novembro.

Mas em conversas sobre uma maior extensão do financiamento do governo, os democratas insistiram em algum alívio no programa de cortes de gastos conhecidos como "sequestro".

"Estamos mantendo as conversas hoje", disse Reid a respeito de suas discussões com McConnell. "Estou confiante de que os republicanos vão permitir que o governo abra e amplie a capacidade do país de pagar suas contas. E eu vou fazer tudo que posso durante o dia para conquistar exatamente isso. É importante que façamos isso. Nós precisamos fazer isso. É o cúmulo da hipocrisia não pagarmos nossas contas."

(Por David Lawder)

 
Líder da maioria no Senado dos Estados Unidos, Harry Reid, durante coletiva de imprensa, em Washington. Reid disse que iria trabalhar com o líder republicano no Senado, Mitch McConnell, durante todo o domingo para chegar a um acordo para reabrir o governo e estender o teto da dívida do país. 12/10/2013. REUTERS/Jonathan Ernst