IAG pede que UE intervenha em resgate "ilegal" da Alitalia

segunda-feira, 14 de outubro de 2013 14:23 BRT
 

Por Brenda Goh

LONDRES, 14 Out (Reuters) - A International Airlines Group disse nesta segunda-feira que o resgate da quase falida empresa aérea Alitalia é "ilegal" e pediu que a Comissão Europeia faça uma intervenção.

"Sempre fizemos oposição à ajuda estatal. É protecionista, prejudica a competição e favorece empresas aéreas que não têm como lidar com a realidade econômica", disse uma porta-voz da IAG, terceira maior empresa aérea da Europa em valor de mercado que controla a Iberia e a British Airways.

"Nós pedimos e esperamos que a Comissão da União Europeia tome medidas interinas para suspender essa ajuda ilegal."

Um porta-voz da Comissão Europeia disse na semana passada que a entidade iria examinar o plano emergencial da Alitalia assim que fosse notificada. O porta-voz disse que em princípio a Alitalia poderia receber ajuda estatal se as regras da UE sobre reestruturação fossem respeitadas.