Entregas totais da Embraer sobem 10% no 3o tri, mas aviação comercial cai

terça-feira, 15 de outubro de 2013 15:34 BRT
 

Por Roberta Vilas Boas

SÃO PAULO, 15 Out (Reuters) - A fabricante de aviões brasileira Embraer teve alta de 10 por cento nas entregas de aeronaves no terceiro trimestre sobre o mesmo período do ano passado e viu sua carteira de pedidos subir em mais de 40 por cento em igual base de comparação.

A companhia entregou 44 aviões entre julho e setembro ante 40 unidades em igual período do ano passado.

Apesar do crescimento nas entregas, houve queda de quase 30 por cento nos envios a clientes de aviões comerciais, maiores e mais caros. O volume de entregas do segmento caiu de 27 unidades entre julho e setembro de 2012 para 19 em igual período deste ano.

Já na aviação executiva, as entregas do terceiro trimestre quase dobraram, passando de 13 para 25 aviões.

A fabricante também informou que sua carteira de pedidos firmes a entregar (backlog) totalizava 17,8 bilhões de dólares no fim de setembro, um aumento de mais de 40 por cento sobre os 12,4 bilhões registrados um ano antes.

O total de entregas da Embraer no ano está em 124 aeronaves, sendo 58 comerciais e 66 executivas. Em igual período de 2012, a empresa havia entregue 129 aviões, sendo 83 de aviação comercial e 46 de executiva.

Para este ano, a empresa tem a meta de entregar 105 e 120 jatos executivos, entre aviões leves e grandes, neste ano, além de 90 a 95 jatos comerciais.

Em julho, a na teleconferência de resultados do segundo trimestre, o presidente da Embraer chegou a afirmar que a entrega de jatos executivos pode ficar no menor ponto da faixa em 2013.

Apesar de ter apenas três meses para atingir as metas de entregas, os executivos da empresa já sinalizaram expectativas de um quarto trimestre melhor. Em meados de setembro, o responsável pelos negócios na Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva, afirmou que esperava um grande número de entregas de aviões no quarto trimestre e para atingir a meta para 2013.

As ações da empresa operavam em queda na Bovespa, com recuo de 1,21 por cento às 10h25 (horário de Brasília).

 
Jatinhos particulares em frente ao galpão da Embraer em São José dos Campos, São Paulo. A fabricante de aviões brasileira Embraer teve alta de 10 por cento nas entregas de aeronaves no terceiro trimestre sobre o mesmo período do ano passado e viu sua carteira de pedidos subir em mais de 40 por cento em igual base de comparação. 14/05/2013. REUTERS/Nacho Doce