Maserati diz que vendas este ano totalizam 22.500 novos carros

terça-feira, 15 de outubro de 2013 11:55 BRT
 

MILÃO, 15 Out (Reuters) - A montadora de carros de luxo Maserati, que pertence à Fiat, disse na terça-feira que registrou 22.500 pedidos de novos carros nos primeiros nove meses do ano.

"Nosso investimento (em novos modelos) está começando a dar retorno", disse o presidente da marca, Harald Wester, em uma apresentação, fazendo referência ao 1,5 bilhão de euros que serão gastos no período entre 2011 e 2014.

A Maserati está a caminho este ano de pulverizar seu recorde anterior de venda de 9.000 carros em 2008 e muito à frente dos 6.300 carros vendidos em 2012. A empresa tem como meta vender 50.000 carros em 2015.

Vender mais Maseratis é uma parte importante do retorno da Fiat ao lucro em 2016 na Europa, onde a empresa perdeu 700 milhões de euros (928 milhões de dólares) no ano passado, em um mercado cada vez menor.

A Maserati tinha cerca de 17,000 pedidos ao final de julho e 20.304 ao final de agosto.

No final de setembro, a Maserati tinha cerca de 9.900 pedidos por seu novo Quattroporte, cerca de 7.900 pelo Ghibli e um total de cerca de 5.000 pelos modelos Gran Turismo e Gran Cabrio.

Wester descartou quaisquer planos para desmembrar e listar a Maserati.

(Por Jennifer Clark)