Ação da Odontoprev amplia queda para mais de 5%

terça-feira, 15 de outubro de 2013 13:35 BRT
 

SÃO PAULO, 15 Out (Reuters) - A ação da Odontoprev ampliava a queda para mais de 5 por cento nesta terça-feira, após a empresa de planos odontológicos ter anunciado na véspera que a Bradesco Saúde, do Bradesco, passará a deter o seu controle, com 50,01 por cento das ações.

Às 12h26, as ações da Odontoprev recuavam 5,65 por cento, a 9,35 reais, diante de variação positiva de 0,82 por cento do Ibovespa --índice do qual a companhia não faz parte.

A Bradesco Saúde irá adquirir a participação de 6,5 por cento do atual presidente-executivo e sócio fundador da Odontoprev, Randal Luiz Zanetti, que será substituído no cargo por Mauro Figueiredo, ex-presidente-executivo do Grupo Fleury.

"Acho que a percepção é de que você tem um risco de execução maior, agora que a empresa é tocada pelo Bradesco e não pelo fundador, uma outra percepção em relação à qualidade do management", disse o analista Guilherme Assis, da Brasil Plural.

Zanetti passará a deter fatia de 1 por cento do capital social da empresa e será vice-presidente do Conselho de Administração, acumulando também cargo na diretoria da Bradesco Seguros.

Já os analistas do UBS afirmaram em relatório terem recebido bem a notícia da mudança do controle da empresa.

"Em nossa visão, a decisão do Bradesco Saúde de aumentar sua participação e alocar um de seus principais executivos para o posto de presidente-executivo da Odontoprev mostra o comprometimento do grupo em focar na entrada no mercado (de planos) para pequenas e médias empresas e indivíduos", afirmaram.

(Por Priscila Jordão)