Ações europeias sobem com expectativa de acordo fiscal nos EUA

quarta-feira, 16 de outubro de 2013 15:02 BRT
 

Por Blaise Robinson

PARIS, 16 Out (Reuters) - As ações europeias fecharam em alta nesta quarta-feira, com o índice das blue chips da zona do euro Euro Stoxx 50 atingindo máxima em dois anos e meio, com a iminência de acordo para evitar o default da dívida dos Estados Unidos.

O índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 encerrou em alta de 0,19 por cento, a 1.265 pontos, enquanto o Euro Stoxx 50 avançou 0,36 por cento, para 3.015 pontos, patamar que não era visto desde maio de 2011.

O índice alemão DAX subiu 0,5 por cento, após ter atingido máxima recorde de 8.861 pontos, mas o francês CAC 40 foi contra a tendência, perdendo 0,3 por cento, prejudicado pela queda nas ações de uma de suas maiores blue chips, a empresa LVMH.

Os papeis da proprietária da fabricante de bolsas Louis Vuitton recuaram 4,3 por cento --representando perda de 3,1 bilhões de euros em valor de mercado-- após ter registrado desaceleração inesperada no crescimento das vendas, afetando as ações do setor, com a Hermes e a Kering, proprietária da Gucci, tendo queda de 0,9 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,34 por cento, a 6.571 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,47 por cento, para 8.846 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 teve baixa de 0,29 por cento, a 4.243 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib ganhou 1,45 por cento, para 19.275 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 expandiu 0,75 por cento, a 9.879 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,8 por cento, para 6.331 pontos.