Nestlé vê mercados emergentes impulsionarem crescimento de vendas

quinta-feira, 17 de outubro de 2013 08:54 BRT
 

VEVEY, Suíça, 17 Out (Reuters) - A Nestlé disse que uma melhora na demanda em mercados emergentes ajudou a impulsionar o crescimento de suas vendas no terceiro trimestres, tranquilizando investidores sobre as recentes notícias negativas vinda de seus pares Danone e Unilever

As vendas subjacente, excluindo efeitos do câmbio, aquisições e desinvestimentos, cresceram 4,4 por cento nos primeiros nove meses do ano, ajudadas por melhorias em todas as três regiões geográficas da Nestlé: Ásia; Oceania e África; e Europa e Américas.

O número representa uma desaceleração sobre o crescimento de 6,1 por cento em igual período do ano passado, mas levemente melhor que os 4,1 por cento do primeiro semestre deste ano.

Analistas consultados pela Reuters esperavam aumento de 4,5 por cento.

Em mercados emergentes, que respondem por cerca de 45 por cento das vendas do grupo, as vendas subiram 8,8 por cento, contra crescimento de 8,2 por cento no primeiro semestre.

As vendas do grupo da fabricante do chocolate KitKat e das sopas Maggi subiram para 68,4 bilhões de francos suíços (74,7 bilhões de dólares), abaixo da estimativa de 69,3 bilhões de francos em uma pesquisa da Reuters.

(Por Silke Koltrowitz)