Crescimento da SABmiller em emergentes compensa Europa estável

quinta-feira, 17 de outubro de 2013 11:14 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A SABMiller, segunda maior cervejaria do mundo, disse que a receita líquida subiu 4 por cento no primeiro semestre de seu ano fiscal, impulsionada por crescimento na América Latina e África.

A cervejaria afirmou nesta quinta-feira que as condições comerciais na Europa e na América do Norte melhoraram modestamente e devem permanecer sob pressão.

Para os seis meses encerrados em 30 de setembro, a SABMiller disse que seu desempenho financeiro ficou em linha com as expectativas, mas observou que a desvalorização de algumas moedas contra o dólar prejudicou seus resultados.

No segundo trimestre fiscal, a receita líquida cresceu 6 por cento, uma melhoria ante o crescimento de apenas 2 por cento do primeiro trimestre.

Por região, a receita do segundo trimestre subiu 4 por cento na América Latina, 3 por cento na América do Norte, 12 por cento na África, e 5 por cento na Ásia-Pacífico. A performance ficou estável na Europa.