Leilão de Libra será bem-sucedido mesmo se tiver só um consórcio--EPE

segunda-feira, 21 de outubro de 2013 19:06 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 21 Out (Reuters) - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) avalia que, mesmo que apenas um consórcio participe do leilão da área gigante de Libra, o primeiro certame do pré-sal já será um sucesso porque o retorno para o governo será considerável, em bônus de assinatura e óleo lucro.

Segundo o presidente da EPE, Mauricio Tolmasquim, em leilões de grandes áreas é difícil haver muitos participantes porque o porte do investimento já restringe a participação de interessados.

"Este investimento é um investimento gigante, e pela sua própria característica é muito difícil você ter grande competição, pelo tamanho que restringe as empresas. O que mais importa é que as condições iniciais que foram colocadas no leilão, bônus e percentual de óleo que a União vai ficar, garantam o sucesso", disse ele a jornalistas ao chegar para o leilão, em um hotel na zona oeste do Rio de Janeiro.

Tolmasquim não tinha conhecimento sobre o número de consórcios participantes, mas chegou a comparar o leilão de Libra com o da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, considerado um dos maiores empreendimentos hidrelétricos do Brasil, que atraiu apenas dois consórcios.

(Por Rodrigo Viga Gaier)