October 22, 2013 / 8:11 PM / 4 years ago

CORREÇÃO-Bovespa tem 9a alta em 10 sessões por metais e expectativas por Fed

3 Min, DE LEITURA

(Corrige 1o parágrafo para esclarecer que Ibovespa atingiu máxima desde 18 de março, e não desde maio)

SÃO PAULO, 22 Out (Reuters) - O principal índice da Bovespa voltou a subir nesta terça-feira, alcançando máxima de fechamento desde 18 de março, apoiado em ganhos de ações de empresas de metais e após dados mais fracos que o esperado de criação de empregos nos Estados Unidos reforçarem expectativa de manutenção de estímulos à economia até 2014.

O Ibovespa subiu 0,68 por cento, a 56.460 pontos. O giro financeiro do pregão foi de 6,5 bilhões de reais.

Com o avanço desta terça, apoiado em ações de empresas de metais e construtoras, o índice ampliou seu rali para nove altas nas últimas dez sessões.

Nos EUA, dados mostraram que os empregadores contrataram bem menos funcionários do que o esperado em setembro, sugerindo uma perda de ímpeto na economia que sustenta a decisão do Federal Reserve, banco central do país, de manter as compras de títulos mensais nos níveis atuais.

"O dado corrobora a ideia de que a redução dos estímulos não vai ocorrer tão cedo, fazendo o mercado reagir positivamente, já que a continuidade da liquidez pode segurar os preços para cima", afirmou o gestor José Arivar, da Fram Capital.

As vagas de emprego fora do setor agrícola aumentaram em 148 mil no mês passado, afirmou o Departamento de Trabalho, ante expectativa de aumento de 180 mil vagas, e a taxa de desemprego do país ficou em 7,2 por cento.

Segundo pesquisa da Reuters, a maioria dos dealers primários veem o Fed reduzindo a compra de títulos em março de 2014.

Por aqui, ações de metais, como CSN e Gerdau, e de construção, como PDG Realty, foram destaque de alta. A Eletropaulo teve a maior valorização do índice.

Contudo, a maior pressão positiva foi com a preferencial da Vale, após a BHP Billiton, maior mineradora do mundo, ter elevado sua meta de produção de minério de ferro para 2013. O setor de siderurgia acompanhou o movimento positivo.

"A BHP Billiton soltou um relatório de produção extremamente sólido e a Rio Tinto teve produção recorde (de minério de ferro). A percepção é de que a Vale pode seguir esse terceiro trimestre forte de seus pares", afirmou o operador Luis Gustavo Pereira, da Futura Corretora.

O papel da Gol também subiu, estendendo alta de 6,55 da véspera, após a companhia aérea divulgar dados fortes na prévia de números de tráfego de setembro.

No sentido oposto, a preferencial da Petrobras, que subira 5,3 por cento na segunda-feira, foi a maior pressão de queda.

"Tivemos uma reação positiva ao leilão (da área de Libra) ontem. Muitas pessoas que especularam com a ação por conta do leilão estão realizando lucro", disse o operador Rudimar Joner, da Banrisul Corretora.

Também foi destaque negativo a fabricante de cigarros Souza Cruz, após a empresa ter reportado na véspera queda do lucro e da receita no terceiro trimestre. O resultado foi afetado pela redução nos embarques de fumo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below