CORREÇÃO-Bovespa tem 9a alta em 10 sessões por metais e expectativas por Fed

terça-feira, 22 de outubro de 2013 19:44 BRST
 

(Corrige 1o parágrafo para esclarecer que Ibovespa atingiu máxima desde 18 de março, e não desde maio)

SÃO PAULO, 22 Out (Reuters) - O principal índice da Bovespa voltou a subir nesta terça-feira, alcançando máxima de fechamento desde 18 de março, apoiado em ganhos de ações de empresas de metais e após dados mais fracos que o esperado de criação de empregos nos Estados Unidos reforçarem expectativa de manutenção de estímulos à economia até 2014.

O Ibovespa subiu 0,68 por cento, a 56.460 pontos. O giro financeiro do pregão foi de 6,5 bilhões de reais.

Com o avanço desta terça, apoiado em ações de empresas de metais e construtoras, o índice ampliou seu rali para nove altas nas últimas dez sessões.

Nos EUA, dados mostraram que os empregadores contrataram bem menos funcionários do que o esperado em setembro, sugerindo uma perda de ímpeto na economia que sustenta a decisão do Federal Reserve, banco central do país, de manter as compras de títulos mensais nos níveis atuais.

"O dado corrobora a ideia de que a redução dos estímulos não vai ocorrer tão cedo, fazendo o mercado reagir positivamente, já que a continuidade da liquidez pode segurar os preços para cima", afirmou o gestor José Arivar, da Fram Capital.

As vagas de emprego fora do setor agrícola aumentaram em 148 mil no mês passado, afirmou o Departamento de Trabalho, ante expectativa de aumento de 180 mil vagas, e a taxa de desemprego do país ficou em 7,2 por cento.

Segundo pesquisa da Reuters, a maioria dos dealers primários veem o Fed reduzindo a compra de títulos em março de 2014.

Por aqui, ações de metais, como CSN e Gerdau, e de construção, como PDG Realty, foram destaque de alta. A Eletropaulo teve a maior valorização do índice.   Continuação...