PMI industrial preliminar da China sobe em outubro para maior nível em 7 meses

quinta-feira, 24 de outubro de 2013 07:36 BRST
 

PEQUIM, 24 Out (Reuters) - Robustas novas encomendas impulsionaram em outubro a expansão mais rápida em sete meses do setor manufatureiro da China, mostrou uma pesquisa preliminar nesta quinta-feira, acrescentando mais evidências de que o crescimento da economia está se estabilizando, ainda que uma forte recuperação seja difícil de ser alcançar.

O Índice dos Gerentes de Compra (PMI, na sigla em inglês) da China oferece algumas notícias positivas depois dos dados decepcionantes de exportação e o PMI industrial de setembro que havia exibido fraca demanda doméstica.

O PMI preliminar do Markit/HSBC ficou em 50,9 em outubro ante leitura final de setembro de 50,2, melhor resultado em sete meses. Dez dos 11 subíndices aumentaram.

"A retomada do crescimento na China está se consolidando no quarto trimestre depois de tocar no piso no terceiro trimestre", disse o economista do HSBC Qu Hongbin.

"É provável que esta dinâmica irá continuar nos próximos meses, criando condições favoráveis ​​para a aceleração de reformas estruturais", acrescentou.

As novas encomendas subiram para 51,6, o nível mais alto em sete meses e bem acima da linha de 50, a qual separa expansão de contração.

O PMI mostrou que as novas encomendas de exportação registraram leve alta, sugerindo estabilização na demanda global, mas sem uma recuperação sólida.

(Reportagem de Natalie Thomas)