Siderúrgica SSAB tem prejuízo, mas prevê maior demanda nos EUA e na Ásia

sexta-feira, 25 de outubro de 2013 08:37 BRST
 

ESTOCOLMO, 25 Out (Reuters) - A siderúrgica SSAB divulgou seu quinto prejuízo consecutivo nesta sexta-feira, mas disse que a demanda por aço está melhorando em alguns mercados.

Excesso de capacidade, desaquecimento econômico na China e a crise financeira na Europa debilitaram o preço e a demanda por aço nos últimos anos.

Empresas de construção, fabricantes de automóveis e de máquinas foram todas atingidas, enquanto o setor de mineração também cortou investimentos.

A Europa e as Américas correspondem a cerca de 80 por cento das vendas da SSAB, que registrou uma prejuízo de cerca de 598 milhões de coroas suecas (94 milhões de dólares) no trimestre.

No mesmo período do ano passado, o prejuízo foi de 655 milhões, e analistas consultados pela Reuters previam perda de 300 milhões de coroas.

A melhora ante o mesmo trimestre de 2012 foi causada principalmente por um programa de corte de custos concluído neste ano. No entanto, a melhora foi compensada por preços mais baixos e maior proporção de vendas de aço de baixo preço.

Para o quarto trimestre, a SSAB disse esperar uma recuperação da demanda nos Estados Unidos e na Ásia. Na Europa, a demanda deve ficar estável.

(Por Simon Johnson)