Cteep tem prejuízo de R$245,3 mi no 3º tri, provisões pesam

segunda-feira, 28 de outubro de 2013 20:20 BRST
 

SÃO PAULO, 28 Out (Reuters) - A empresa de transmissão de energia Cteep teve prejuízo líquido de 245,3 milhões de reais no terceiro trimestre, afetada principalmente por despesas operacionais com provisão para perdas, informou a companhia nesta segunda-feira.

No mesmo período de 2012, a companhia tinha registrado um lucro de 241,3 milhões e, excluindo a provisão realizada, teria agora tido lucro líquido de 95,5 milhões de reais no trimestre.

A administração da Cteep revisou os montantes a receber referentes da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo (Sefaz) e fixou uma provisão de 516,3 milhões de reais.

A provisão para perdas sobre valores a receber da Sefaz ocorreu porque a empresa alterou a expectativa do tempo para a realização de parte dos ativos. Isso aconteceu por conta da extinção sem julgamento de mérito da ação de cobrança dos valores devidos pelo Governo do Estado de São Paulo, além de outros movimentos processuais ocorridos.

O Ebitda consolidado da Cteep (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações) ficou negativo em 401,9 milhões de reais no período, ante resultado positivo de 432,6 milhões de reais na mesma etapa de 2012.

Excluindo a provisão do Sefaz, a empresa teria registrado Ebitda positivo em 114,4 milhões de reais.

De todo modo, o resultado na última linha também refletiu a queda de 50,9 por cento da receita operacional líquida da Cteep no trimestre, para 288 milhões de reais.

A Cteep já estimava uma perda de cerca de 70 por cento da sua receita com a renovação antecipada e condicionada das concessões a partir deste ano.

A Cteep, controlada pela colombiana ISA, ainda registrou um aumento de 4,8 por cento nos custos e despesas operacionais do trimestre, para 185,2 milhões de reais.

(Por Anna Flávia Rochas)