Lucro do Barclays cai; banco diz cooperar com investigação sobre câmbio

quarta-feira, 30 de outubro de 2013 07:55 BRST
 

LONDRES, 30 Out (Reuters) - O Barclays disse estar cooperando com reguladores que investigam a possível manipulação de negociações de moeda por grandes bancos, aprofundando a análise das práticas do banco, enquanto enfrenta uma queda nos lucros em banco de investimento.

O Barclays, terceiro maior banco da Grã-Bretanha em valor de mercado, informou nesta quarta-feira que estava revendo suas negociações de divisas "abrangendo um período de vários anos", e estava cooperando com as autoridades que investigam possíveis tentativas de manipular certas taxas de câmbio referenciais.

Vários bancos estão sob investigação por suposta manipulação no mercado global de câmbio, que movimenta 5,3 trilhões de dólares ao dia.

A investigação sobre o Barclays soma-se a diversas enfrentadas pelo presidente-executivo do banco, Antony Jenkins, que assumiu o cargo 14 meses atrás e tenta reconstruir a reputação da instituição.

O Barclays divulgou um lucro subjacente antes de impostos de 1,4 bilhão de libras (2,3 bilhões de dólares) para os três meses encerrados em setembro, uma queda ante o 1,9 bilhão de libras de um ano antes, mas acima da média das estimativas de 1,25 bilhão de analistas ouvidos pela empresa.

O lucro no segmento banco de investimento caiu para 463 milhões de libras, ante 988 milhões um ano antes e ficou abaixo das expectativas.

Foi o menor lucro da unidade desde o fim de 2011 e ocorreu principalmente pela queda de 44 por cento na receita com renda fixa, câmbio e commodities no trimestre passado.

(Por Steve Slater e Matt Scuffham)