S&P 500 encerra rali de quatro dias após Fed ver crescimento mais fraco

quarta-feira, 30 de outubro de 2013 18:47 BRST
 

Por Ryan Vlastelica

NOVA YORK, 30 Out (Reuters) - As ações dos Estados Unidos fecharam em queda nesta quarta-feira, com o índice Standard & Poor's 500 interrompendo a série de quatro ganhos consecutivos após o Federal Reserve afirmar que tem uma perspectiva de crescimento econômico mais fraco.

O índice Dow Jones recuou 0,39 por cento, para 15.618 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve desvalorização de 0,49 por cento, para 1.763 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq caiu 0,55 por cento, para 3.930 pontos.

O S&P 500 e o Dow Jones haviam fechado em máximas históricas na sessão anterior.

As negociações foram voláteis após a divulgação do comunicado, com os principais índices acionários anulando perdas e recuando para as mínimas da sessão. Quase 70 por cento das ações na New York Stock Exchange e na Nasdaq fecharam no vermelho, enquanto todos os 10 setores do S&P 500 recuaram.

Embora fosse amplamente esperado que o Fed não ajustaria o programa de compra de títulos, o comunicado não foi suficiente para dar continuidade ao rali que levou o Dow Jones e o S&P 500 a repetidas máximas históricas.

"Apesar de não ter havido mudança entre esse comunicado e os anteriores, está claro que mesmo esse não foi tão expansionista quanto esperavam os investidores", disse o vice-presidente do Fiduciary Trust, Michael Mullaney.

Mesmo com o estímulo do Fed colocando um piso sob os preços das ações, houve sinais de que o crescimento está desacelerando, incluindo dados econômicos fracos e a temporada de balanços marcada por crescimento lento das receitas.